Meio Ambiente

O projeto do curso de Economia Ecológica da UFC: da elaboração ao acolhimento institucional

Artigo feito pelo Professor de Economia Ecológica da UFC Aécio Alves de Oliveira. Conteúdo no hiperlink.

Falta de água no CE ameaça criação de camarão e produção de frutas

Link: http://g1.globo.com/ceara/noticia/2016/04/falta-de-agua-no-ce-ameaca-criacao-de-camarao-e-producao-de-frutas.html

Publicado em: 19/04/16


Açudes do Ceará estão com média de 13,6% da capacidade, diz Cogerh

Situação mais crítica é da Bacia do Baixo Jaguaribe, com apenas 0,88%. Os 128 açudes do Ceará estão com capacidade hídrica abaixo de 30%.

Informações: http://g1.globo.com/ceara/noticia/2015/11/acudes-do-ceara-estao-com-media-de-136-da-capacidade-diz-cogerh.html


 

Audiência debate impactos de parques eólicos no litoral oeste e Ibiapaba

A Comissão de Direitos Humanos e Cidadania, conjuntamente com a Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Semiárido, realiza, nesta sexta-feira (23/10), audiência pública para discutir os impactos socioambientais decorrentes da expansão da energia eólica, por meio da implantação de parques ao longo do litoral oeste e da região serrana da Ibiapaba. O debate foi proposto pelo líder do Psol na Assembleia Legislativa, deputado Renato Roseno, e será realizado às 9h30, na Câmara Municipal de Itapipoca.

Conforme o parlamentar, embora a geração de eletricidade a partir do vento possua inúmeras vantagens, como a não produção de gases tóxicos nem resíduos radioativos, a forma como vem sendo implantada em nosso Estado tem gerado efeitos danosos.

O parlamentar argumenta que, “no Ceará, diversos projetos de parques eólicos instalados vêm apresentando impactos socioambientais, como a devastação de dunas, o aterramento de lagoas, interferências em aquíferos, destruição de casas e conflitos com comunidades de pescadores.

Roseno defende que se reveja a normatização própria para esse tipo de ação exercida pelas empresas eólicas e que se definam áreas e modos de implantação mais adequados, que possibilitem a diminuição ou não ocorrência de impactos socioambientais, que não degradem os sistemas naturais e respeitem os princípios dos direitos humanos fundamentais.

Para debater o assunto foram convidados representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Itapipoca, do Ministério Público Federal e Ministério Público Estadual, da Prefeitura Municipal de Itapipoca, da Secretaria de Meio Ambiente, da Colônia dos Pescadores, do povo tremembé de Itarema e Itapipoca, além de instituições públicas e privadas e entidades da sociedade que atuam na área.

Fonte: http://www.al.ce.gov.br/index.php/destaques-do-site/item/46769-22-10-2015-da-reda%C3%A7%C3%A3o


Audiência debate impactos de parques eólicos no litoral oeste e Ibiapaba

22 Outubro 2015

A Comissão de Direitos Humanos e Cidadania, conjuntamente com a Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Semiárido, realiza, nesta sexta-feira (23/10), audiência pública para discutir os impactos socioambientais decorrentes da expansão da energia eólica, por meio da implantação de parques ao longo do litoral oeste e da região serrana da Ibiapaba. O debate foi proposto pelo líder do Psol na Assembleia Legislativa, deputado Renato Roseno, e será realizado às 9h30, na Câmara Municipal de Itapipoca.

Conforme o parlamentar, embora a geração de eletricidade a partir do vento possua inúmeras vantagens, como a não produção de gases tóxicos nem resíduos radioativos, a forma como vem sendo implantada em nosso Estado tem gerado efeitos danosos. (…)

http://www.al.ce.gov.br/index.php/destaques-do-site/item/46769-22-10-2015-da-reda%C3%A7%C3%A3o


Governo propõe reuso e dessalinização de água para setor industrial

15.10.15

Devido à estiagem, alternativas quase triplicariam o preço da água para as empresas, mas daria garantia, já que os recursos vindos de açudes são escassos e sofrem constantes diminuições de vazão. Já são quatro anos de estiagem onde a falta de água afeta não mais somente a zona rural mas também a zona urbana.

Tendo esse problema à vista, a Secretaria de Recursos Hídricos – SRH, apontou duas propostas de gestão hídrica para burlar os efeitos da seca, sendo elas o reuso e adequação ao processo de dessalinização da água por parte do setor industrial. Tais medidas possuem entraves econômicos para serem implementadas, tendo em vista o custo quase que triplicado dos processos, apesar do bom retorno ambiental.

Mais informações: http://www.opovo.com.br/app/opovo/cotidiano/2015/10/15/noticiasjornalcotidiano,3519192/governo-propoe-reuso-e-dessalinizacao-de-agua-para-setor-industrial.shtml


Área de Proteção Ambiental (APA) é desmatada sem licença em Maranguape

15.10.15

Uma Área de Proteção Ambiental, localizada na Serra da Aratanha, em Maranguape, sofreu desmatamento nos últimos dias, tendo cerca de quatro hectares de Mata Atlântica derrubados e um córrego represado para dar espaço a um imóvel de natureza ilegal, segundo conta nota da SEMACE.

Fonte: http://www.opovo.com.br/app/opovo/cotidiano/2015/10/09/noticiasjornalcotidiano,3516705/area-de-protecao-ambiental-em-maranguape-e-desmatada-sem-licenca.shtml


Pesticidas naturais dão resultado no combate a pragas

08.10.15

Na Região de Iguatu, o uso de uma solução à base de extrato de pimenta e folhas de nim vem dando resultados no combate à praga Psilídeo, que ataca as plantações de Goiaba.

Os testes foram bem sucedidos, apesar de não haver comprovação científica, o que gera menos despesas para os fruticultores locais, melhorando a renda e a qualidade dos produtos oriundos da agricultura familiar.

Fonte: http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/regional/uso-da-pimenta-e-nim-combate-praga-1.1405500


Ceará decreta situação crítica de falta d’água

08.10.15

No quarto ano seguido de seca no Ceará, o Diário Oficial do Estado publicou, nesta quarta-feira (7) um Ato Declaratório reconhecendo Situação Crítica de Escassez Hídrica em todo o território estadual. A demanda é da Secretaria dos Recursos Hídricos do Estado (SRH). O documento ressalta a situação atual dos reservatórios públicos, que operam atualmente com apenas 15,4% de sua capacidade total, conforme dados disponibilizados pela Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh).

Fonte: http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/cidade/ceara-decreta-situacao-critica-de-falta-d-agua-1.1405190


Efeitos da seca começam a chegar aos açudes da RMF

01.10.2015

Os quatro principais reservatórios ainda não estão secos pois possuem um sistema de interligação e recebem água do Castanhão. Situação crítica já se assemelha à seca que atingiu o Ceará no início da década de 1990.

Bacias-hidrograficas

Com o pior aporte de água dos últimos 18 anos, 2015 é o quarto ano seguido em que os açudes do Ceará não têm recarga considerável. Com isso, a rede de abastecimento de Fortaleza e Região Metropolitana chega à média de 39% de volume, segundo dados da Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh). “A situação se agrava porque foram anos sequenciais de baixo aporte”, frisa Débora Rios, diretora de Operações da Cogerh.

Mais informações em: http://www.opovo.com.br/app/opovo/cotidiano/2015/09/30/noticiasjornalcotidiano,3512071/efeitos-da-seca-comecam-a-chegar-aos-acudes-da-rmf.shtml


Fortaleza pode sofrer racionamento em 2016

Uso sustentável deve evitar medida; para secretário de Recursos Hídricos, situação é a pior em 20 anos.

As consequências da seca deste ano no Estado podem refletir em medidas mas drásticas já em 2016. Isso porque, não havendo o uso da água de uma forma mais sustentável desde já, assim como um reforço nas medidas de controle e distribuição do recurso, é possível haver racionamento na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) a partir de setembro do próximo ano. A informação foi dada pelo titular da Secretaria de Recursos Hídricos (SRH), Francisco Teixeira, após reunião de trabalho, ontem, entre o secretariado e o governador Camilo Santana.

image

Fonte: Diário do Nordeste

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Espaço de fortalecimento do controle social assente em informações, estudos, pesquisas e debates que suscitem análises críticas e propositivas quanto as políticas públicas no Ceará e no Brasil.