Mário de Andrade e o 1º de Maio

O Primeiro de Maio surgiu das lutas dos trabalhadores pela redução da jornada de trabalho para 8 horas, assim como por outros direitos humanos e sociais básicos. Afirmou-se como memória dos massacres de trabalhadores na luta por direitos e como consciência de que nossas conquistas só serão mantidas pela disposição de luta organizada de gerações e gerações de trabalhadores.
Propondo uma reflexão sobre o dia de hoje, envio a vocês o link para um conto de Mário de Andrade, “Primeiro de Maio” e, anexo, um ensaio da Iná Camargo Costa, que situa histórica e ideologicamente o conto e o autor.

 

http://www.literaturabrasileira.ufsc.br/documentos/?action=download&id=36858#PRIMEIRODEMAIO

mario de andrade e o primeiro de maio de 35 ina c costa

Créditos: Professora Irenísia Oliveira – UFC

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s